quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

MODELOS DE FICHA, LISTA DE NOMES DOS COLEGAS E INFORMATIVO PARA CADERNO DE COMUNICADOS













FICHAS DE IDENTIFICAÇÃO PARA OS CADERNOS DOS ALUNOS








OBJETIVOS GERAIS PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL

OBJETIVOS GERAIS PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL


1-DESENVOLVER UMA IMAGEM POSITIVA DE SI, ATUANDO DE FORMA CADA VEZ MAIS INDEPENDENTE, CONFIANTE EM SUAS CAPACIDADES E PERCEPÇÃO DE SUAS LIMITAÇÕES;

2-DESCOBRIR E CONHECER PROGRESSIVAMENTE SEU PRÓPRIO CORPO, SUAS POTENCIALIDADES E SEUS LIMITES, DESENVOLVENDO E VALORIZANDO HÁBITOS DE CUIDADO COM A PRÓPRIA SAÚDE E BEM-ESTAR;

3-ESTABELECER VÍNCULOS AFETIVOS E DE TROCA ENTRE ADULTOS E CRIANÇAS, FORTALECENDO SUA AUTO-ESTIMA E AMPLIANDO GRADATIVAMENTE SUAS POSSIBILIDADES DE COMUNICAÇÃO E INTERAÇÃO SOCIAL;
DEMONSTRANDO ATITUDES

4-ESTABELECER E AMPLIAR CADA VEZ MAIS AS RELAÇÕES SOCIAIS, APRENDENDO AOS POUCOS A ARTICULAR SEUS INTERESSES E PONTOS DE VISTA, INTERAGINDO COM OS DEMAIS, RESPEITANDO A DIVERSIDADE E DESENVOLVENDO ATITUDES DE AJUDA E COLABORAÇÃO;

5-OBSERVAR E EXPLORAR O AMBIENTE COM ATITUDE DE CURIOSIDADE, PERCEBENDO-SE CADA VEZ MAIS COMO INTEGRANTE, DEPENDENTE E AGENTE TRANSFORMADOR DO MEIO AMBIENTE, VALORIZANDO ATITUDES QUE CONTRIBUEM PARA SUA CONSERVAÇÃO;

6-BRINCAR, EXPRESSANDO EMOÇÕES, SENTIMENTOS, PENSAMENTOS, DESEJOS E NECESSIDADES;

7-UTILIZAR AS DIFERENTES LINGUAGENS (CORPORAL, MUSICAL, PLÁSTICA, ORAL E ESCRITA) AJUSTADAS ÀS DIFERENTES INTENÇÕES E SITUAÇÕES DE COMUNICAÇÃO, DE FORMA A COMPREENDER E SER COMPREENDIDO, EXPRESSAR SUAS IDÉIAS, SENTIMENTOS, NECESSIDADES E DESEJOS E AVANÇAR NO SEU PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DE SIGNIFICADOS, ENRIQUECENDO CADA VEZ MAIS SUA CAPACIDADE EXPRESSIVA;

8-CONHECER ALGUMAS MANIFESTAÇÕES CULTURAIS, DE INTERESSE, RESPEITO E PARTICIPAÇÃO, VALORIZANDO A DIVERSIDADE.


MENSAGEM PARA A 1ª REUNIÃO DE PAIS

TUDO QUE EU DEVIA SABER APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIA
ROBERT FULGHUM (ADAPTADO E TRADUZIDO POR PAULO R. MOTTA )

A MAIORIA DAS COISAS QUE EU REALMENTE PRECISAVA APRENDER SOBRE COMO VIVER, FAZER E SER, EU APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIA.
SAPIÊNCIA NÃO SE ENCONTRAVA NO TOPO DA MONTANHA DAS ESCOLAS DE PÓS-GRADUAÇÃO, MAS NO PÁTIO DO JARDIM.
ESSAS SÃO AS COISAS QUE APRENDI:

- COMPARTILHAR TODAS AS COISAS;

- “JOGUE LIMPO” E NÃO BATA NOS COLEGAS;

- NÃO PEGUE NADA QUE NÃO SEJA SEU;

- LIMPE A BAGUNÇA QUE VOCÊ FEZ;

- COLOQUE TUDO DE VOLTA NOS SEUS LUGARES;

- PEÇA DESCULPAS QUANDO VOCÊ MAGOAR ALGUÉM;
- SEMPRE DÊ A DESCARGA E LAVE AS MÃOS, SOBRETUDO, ANTES DAS REFEIÇÕES.

- VIVA UMA VIDA EQUILIBRADA: ALÉM DE TRABALHAR, DESENHE, PINTE, CANTE E DANCE UM POUCO TODOS OS DIAS. LEMBRE-SE TAMBÉM DE QUE LEITE FRIO E BISCOITOS FRESQUINHOS PODEM SER BONS PARA VOCÊ.

- TIRE UMA SONECA À TARDE E, QUANDO SAIR ÀS RUAS, CUIDADOS COM O TRÂNSITO DÊEM AS MÃOS E PERMANEÇAM JUNTOS.

- CULTIVE A IMAGINAÇÃO. LEMBRE-SE DA SEMENTE DE FEIJÃO QUE A PROFESSORA COLOCAVA NO VASO DE ÁGUA. AS RAÍZES CRESCIAM PARA BAIXO E AS FOLHAS PARA CIMA E NINGUÉM SABIA EXPLICAR POR QUÊ. NÓS SOMOS PARECIDOS. OS PEIXINHOS DO AQUÁRIO, OS PASSARINHOS DA GAIOLA, AS SEMENTES DO FEIJÃO, TODOS MORREM TAMBÉM.

- RECORDE-SE DO GRANDE E MELHOR CONSELHO DA ÉPOCA: OLHE! OLHE AO SEU REDOR! TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER ESTÁ AÍ A SUA VOLTA.

- AS REGRAS DE OURO: PAZ, AMOR, ECOLOGIA E UMA VIDA SAUDÁVEL.

- IMAGINE COMO O MUNDO SERIA MELHOR SE TODOS TIVESSEM UM LANCHINHO COM LEITE E BISCOITOS ÀS 3 DA TARDE E, EM SEGUIDA TIRASSEM UMA SONECA.

- IMAGINE SE FOSSE POLÍTICA NACIONAL QUE TODOS OS CIDADÃOS TIVESSEM QUE LIMPAR A SUA PRÓPRIA BAGUNÇA E COLOCAR AS COISAS DE VOLTA EM SEUS LUGARES. IMAGINE SE TODOS DESSEM AS MÃOS E PERMANECESSEM JUNTOS.




FONTE: TUDO QUE EU DEVIA SABER APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIAROBERT FULGHUM – ED. BEST SELLER (ISBN 8571239045)

ESTE TEXTO É UM RESUMO DA TESE DO DR. ROBERT FULGHUM,TRANSFORMADA EM LIVRO QUE SE TORNOU UM BEST-SELLER NOS ESTADOS UNIDOS.ESCRITOR AMERICANO, CUJOS LIVROS ESTÃO TRADUZIDOS EM 27 LÍNGUAS.É FILÓSOFO, TEÓLOGO, DEDICA-SE ÀS ARTES E É PROFESSOR NUMA UNIVERSIDADE AMERICANA.

CAPAS PARA CADERNOS

CAPAS PARA OS CADERNOS


















ORGANIZANDO A PRIMEIRA REUNIÃO DE PAIS



ORGANIZANDO A PRIMEIRA REUNIÃO DE PAIS

A primeira Reunião de pais do ano é seguramente o primeiro contato que se configura entre o docente e este novo grupo de pais. É a porta que se abre para construir o vínculo que manterá unido em um mesmo caminho e a um único objetivo: o desenvolvimento da criança.
O ingresso ou regresso à Educação Infantil gera sensações como: ansiedade, temor, angústia, nostalgia, culpa, despertar,preocupação, etc. Por isso, é sumamente importante que o docente elabore pautas claras e fundamente a importância e a necessidade da integração da família e a escola, não só para as crianças se adaptarem, mas, para que aconteça um sucesso nesta longa relação.

ATIVIDADES PRÉVIAS:



1 - ESTUDE BEM AS CARACTERÍSTICAS DA FAIXA ETÁRIA DAS CRIANÇAS DE SUA TURMINHA E LISTE OS PONTOS MAIS IMPORTANTES;

2 - PREPARE A SALA DEIXANDO O AMBIENTE BEM AGRADÁVEL, ORGANIZADO E ACONCHEGANTE;

3 - ORGANIZE-SE EM CIMA DE UMA PAUTA, COLOCANDO OS ITENS QUE PRETENDE ABORDAR, DENTRO DAS NORMAS DA ESCOLA;

4 - SEJA CLARA E COMUNIQUE-SE COM SEGURANÇA, MOSTRANDO QUE VOCÊ DOMINA O QUE ESTÁ FALANDO;

5 - ESTABELEÇA UMA RELAÇÃO DE CONFIANÇA COM OS PAIS. AFINAL, É NECESSÁRIA A PARTICIPAÇÃO DA FAMÍLIA PARA QUE O PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM SE DÊ DE FORMA COMPLETA E EFICAZ;

6 - MOSTRE-SE ABERTA A SUGESTÕES;

7 - PARA FINALIZAR, LEIA UM TEXTO OU FRASE QUE OS SENSIBILIZE E QUE ESTEJA RELACIONADO AOS OBJETIVOS DO ANO, COMO POR EXEMPLO "CONSTRUIR" UM ALUNO INDEPENDENTE.



quarta-feira, 28 de janeiro de 2009



Berçário...Tranquilize os pais

Quarta-feira, 28 de Janeiro de 2009

Esta é uma sugestão de bilhetinho para colar na agenda.

ADAPTAÇÃO NO BERÇÁRIO


O período conhecido como de adaptação da criança ao berçário é de suma importância na vida do bebê e merece todo cuidado da direção e de toda a equipe da escola.

Ficar em no berçário, sem chorar (nem sofrer), envolve muitos fatores e, basicamente, os sentimentos de duas pessoas: mãe e filho.

O comportamento expresso pela criança durante esse período indica o estado emocional, resultado e resultante de uma série de sentimentos desenvolvidos desde os primeiros meses de vida até o seu ingresso no berçário, sendo o produto de sua relação com a mãe, e é, simultaneamente, influenciado a partir daí pelos sentimentos desta, relacionados ao significado que possa ter para ela a separação de seu filho, com a conseqüente entrega dele à terceiros (escola/berçário).

É importante que a mãe tenha confiança na escola escolhida e conte com o apoio da equipe profissional que lhe dará condições psicológicas e emocionais necessárias para que a criança se sinta segura, permanecendo assim, por certo período do dia afastada da mãe. A criança em poucos dias sentir-se-á segura aceitando o novo ambiente e pessoas com quem terá convívio.

Durante o ano desenvolveremos uma relação muito próxima, não só com a criança, como também com a família.

Sobre os cuidados com a alimentação, soninho, banho e bem estar geral, todos os dias é possível acompanhar através da agenda.

BONS MODOS E REGRAS DE CONVIVÊNCIA




28 DE JANEIRO DE 2009










LinkWithin